Viajando sem sair de casa – #2 Filmes que se passam em Paris

Hoje o viajando sem sair de casa vai para Paris, uma cidade que eu nunca conheci, mas que já foi a estrela de muitos filmes.
paris1) O fabuloso destino de Amélie Poulain – Um dos filmes mais doces que eu já assisti, conta a história de Amélie uma moça que deixa o subúrbio e vai morar em Paris, e que vai ajudando as pessoas a volta dela com pequenos gestos de amor.
Alguns pontos turísticos mostrados no filme são: a Basílica de Sacre-Coeur; o bairro de Montmartre, onde Amélie mora; a cafeteria Des 2 Moulins, onde Amélie trabalha como garçonete; e a frutaria Au Marché de la Butte, onde Amélie comprava frutas e verduras.

2)Moulin Rouge – O musical Moulin Rouge, se passa em um cabaré – o Moulin Rouge – que por si só já é um ponto turístico de Paris. O Moulin Rouge é um cabaré que foi construído em 1889 e fica no bairro de Montmartre. No filme Christian, é um escritor que desafia seu pai para mudar-se para o bairro de Montmartre, e ao visitar Moulin Rouge ele se apaixona por Satine, a bela estrela do cabaré.

3)A invenção de Hugo Cabret – O filme se passa na Paris dos anos 30, Hugo é um órfão que vive escondido em uma estação de trem, ele possui um robô deixado pelo seu pai. Um dia ele conhece a menina Isabelle, e descobre que ela possui a chave com o fecho em formato de coração, o mesmo formato que a fechadura em seu robô possui. O robô volta a funcionar, e a dupla tenta resolver um mistério.

4)Ratatouille – O filme conta a história do ratinho Remy, que não se conforma em apenas roubar comida e sonha em se tornar um grande cozinheiro. Ele se perde de sua família e acaba chegando em Paris, no restaurante de seu chef preferido, o Gusteau. Lá ele conhece Linguini, o desajeitado faxineiro do restaurante, e juntos eles começam a cozinhar, mas tem que enfrentar muitos desafios.
Ratatouille é um prato campônes, e a palavra significa “comida”, é uma receita típica francesa, preparada com tomates, berinjela, abobrinha e várias ervas, pode ser servida fria ou quente.
Os lugares de Paris que aparecem no filme são: a loja Arouze, uma loja que existe há mais de 130 anos, e que é especializada em eliminar animais nocivos, como ratos; e o Rio Sena.

5) O código Da Vinci – Robert Langdon é um famoso simbologista, que é convidado a ir ao Museu do Louvre, para investigar o assassinato do curador do museu, que deixou várias pistas em forma de símbolos. Em seu trabalho ele conta com a ajuda de Sophie Neveu, uma criptógrafa da polícia. As investigações dos dois levam a uma série de mensagens ocultas nas obras de Leonardo Da Vinci, que indicam a existência de uma sociedade secreta que há dois mil anos guarda um segredo.
Os lugares de Paris que aparecem no filme são o Museu do Louvre; a grande pirâmide do Louvre;  o hotel Ritz de Paris, onde Langdon se hospedou; e a igreja de Saint-Sulpice.

E você conhece algum filme que se passa em Paris e que eu não citei?

Para ver outros posts da série viajando sem sair de casa, clique aqui.

Para receber mais dicas, curta a página do blog no Facebook, clicando aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s